Walter marca no fim, e Athletico vira contra o Jorge Wilstermann na volta da Libertadores

0
55

O Athletico venceu por 3 a 2 o Jorge Wilstermann, na noite desta terça-feira, pela terceira rodada da Libertadores. O Furacão correu atrás do placar por todo o jogo, empatando duas vezes e com o time boliviano melhor na maior parte do tempo.

Mas havia uma surpresa no banco, com Walter, que entrou e, na sua primeira chance, definiu a vitória brasileira.

Quem esperava o time boliviano desencontrado por estar há seis meses sem jogar viu outra coisa. Comandado por Serginho e com Pato Rodríguez infernizando pelos lados, o Jorge Wilstermann foi pressão e resultado aos nove minutos, com gol de Álvarez.

O Athletico só conseguiu o equilíbrio com o pênalti no fim, que Lucho González marcou. Patito seguiu mostrando a força do time boliviano no segundo tempo dando o passe para Serginho marcar antes dos dez minutos de segundo tempo.

O Athletico voltou a empatar com Christian ,quando parecia que não tinha mais forças para se recuperar e que tudo mudou.

O Jorge Wilstermann perdeu um com a expulsão de Serginho, e Walter entrou para marcar e definir o jogo.

  • Como fica

    Com a vitória, o Athletico assume a primeira posição do Grupo C, com seis pontos. O Colo-Colo, que venceu o Peñarol por 2 a 1, também tem seis pontos e fica na segunda colocação. O Jorge Wilstermann é o terceiro, com três pontos.

  • Tabu quebrado

    O Furacão venceu a primeira partida em Libertadores nas alturas. O histórico do Furacão na altitude é negativo, com dois empates e cinco derrotas em jogos pela Libertadores até hoje. O estádio Felix Capriles fica em Cochabamba, a 2.560m do nível do mar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui