Obama, Bush e Clinton prometem tomar vacina da Covid em público

0
173

Os ex-presidentes dos Estados Unidos, Barack Obama, George W. Bush e Bill Clinton se ofereceram para promover a campanha de vacinação contra a Covid-19 no país, assim que uma vacina for aprovada pela agência sanitária norte-americana, a FDA.

“Eu vou tomar, e talvez tome na TV ou filme a injeção para mostrar às pessoas que eu confio na ciência”, disse Obama em entrevista à rádio SiriusXM, nesta quinta-feira (3). “A única coisa na qual eu não confio é em pegar Covid.”

A preocupação em aumentar a confiança da população norte-americana na vacinação vem depois da divulgação de que cerca de 40% dos adultos do país disse não ter certeza de que iria se vacinar, segundo uma pesquisa do instituto Gallup.

Os EUA são o país mais atingido pela Covid-19 em todo o mundo, com mais de 14 milhões de casos da doença. Nesta quarta-feira (2), eles chegaram a registrar o número mais alto de internados por coronavírus desde o início da pandemia: mais de 100 mil em 24 horas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui