Nos pés do ídolo: Tevez é decisivo, e Boca Juniors rouba título do River Plate na última rodada

0
260

Os mais supersticiosos dirão que o beijo deu sorte. A conexão de ídolo para ídolo com o selinho de Tevez em Diego Maradona antes de a bola rolar era um presságio. Pois foi dos pés do atacante e capitão do Boca Juniors que saiu o gol da vitória por 1 a 0 em cima do Gimnasia La Plata. E saiu também o título do Campeonato Argentino.

Em uma última rodada emocionante, a equipe de Carlitos roubou o título do rival River Plate no instante final. O time de Marcelo Gallardo, líder em quase todo o campeonato, empatou por 1 a 1 com o Atlético Tucumán fora de casa. Ficou com 47 pontos e viu os xeneizes chegarem aos 48 e conquistarem o 34º título argentino.

O título é uma redenção para uma torcida que passou por dois grandes traumas recentes diante de seu maior rival: as derrotas na final da Libertadores de 2018 e na semifinal do torneio continental do ano passado.

Mais que isso. O Campeonato Argentino era uma obsessão para Marcelo Gallardo, que ainda não o conquistou desde que assumiu o Millonario, em junho de 2014. O treinador tem 11 títulos à frente do clube. E segue sem vencer a liga nacional.

O River Plate chegou às duas últimas rodadas com três pontos de vantagem para o rival. Mas empatou seus dois últimos jogos. O Boca venceu suas duas últimas partidas e ultrapassou o time de Núñez.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui