Médica obstetra morre com coronavírus em Natal

0
334

A médica ginecologista e obstetra Débora Cristina Araújo Fernandes, de 56 anos, morreu com Covid-19 nesta segunda-feira (6), em Natal. Ela é a 13ª profissional médica a morrer pelo coronavírus no Rio Grande do Norte, de acordo com o Conselho Regional de Medicina.

Débora Cristina estava internada no Hospital Rio Grande e lutava contra a doença há cerca de três semanas. Ela foi intubada no dia 23 de junho, um dia antes do seu último aniversário. Casada com o também ginecologista Paulo Paiva Fernandes, a médica deixa três filhos.

A obstetra fazia atendimentos agendados em sua própria clínica, mas realizava partos em vários hospitais de Natal. De acordo com uma funcionária, ela ficou abalada e foi internada dias após o falecimento do médico anestesiologista Aldemaro Cavalcanti, que fazia parte da sua equipe.

Nas redes sociais, pacientes e amigos lamentaram a morte de Débora. O Conselho Regional de Medicina também emitiu uma nota: “Dra. Débora Fernandes era considerada pelos seus pares como uma profissional dedicada e extremamente carinhosa para com suas pacientes. Deixa uma importante lacuna na medicina potiguar. Todos que fazem o Cremern se solidarizam com o sofrimento de seus familiares e amigos diante de sua precoce partida, rogando a Deus que conforte todos neste momento de dor”

A atendente Ednilza Neres trabalhou com a médica por mais de 15 anos e lamentou seu falecimento. “Ela era uma pessoa maravilhosa, muito gentil, muito humana. As pacientes gostavam muito dela. Era uma pessoa tranquila, simpática, muito amável”, afirmou.

O sepultamento da médica está previsto para às 16h no cemitério Morada da Paz.

G1 RN

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui