Internacional para no Corinthians em casa e deixa escapar o título

0
97

Inter tenta, mas fica com vice

O Internacional teve dois gols bem anulados por impedimento, um pênalti desmarcado após consulta ao VAR, não saiu do zero contra o Corinthians e perdeu a chance de voltar a conquistar o Campeonato Brasileiro após 41 anos.

Central do Apito

Foram três lances capitais: o primeiro deles um pênalti marcado pelo árbitro Wilton Pereira Sampaio após toque da bola no braço de Ramiro – a comentarista Nadine Basttos disse que a marcação foi correta.

No entanto, após análise do VAR, Wilton voltou atrás e anulou o lance, gerando reclamações dos colorados. Depois, dois gols bem anulados por impedimento: um de Yuri Alberto, no primeiro tempo, outro de Edenílson, nos acréscimos da segunda etapa.

O 0 x 0 da noite desta quinta-feira, no Beira-Rio, teve gosto amargo e fez os jogadores desabarem logo após o apito final – ainda mais porque o São Paulo venceu o Flamengo no Morumbi, resultado que fazia o Colorado depender apenas de suas próprias forças para ser campeão.

O gol de Edenílson, principalmente, aos 51 do segundo tempo, fez o Beira-Rio explodir mesmo (quase) vazio – membros da diretoria e jogadores não relacionados foram os responsáveis pela festa momentânea.

A anulação derrubou de vez o elenco, que agora começa a temporada 2021 tentando superar a decepção na reta final do Brasileirão.

Milhões a menos

O Corinthians conseguiu estragar os planos do Inter de conquistar o Brasileirão, mas o empate não foi bom. Garantiu apenas a 12ª posição na tabela e uma premiação de R$ 14 milhões. A equipe de Vagner Mancini poderia ter terminado até em nono, a depender da combinação de resultados, o que aumentaria esse valor para quase R$ 21 milhões.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui