IBGE: Desemprego no RN vai a 17,3% no 3º trimestre

0
121
Fila de trabalhadores no teatro municipal de Fazenda Rio Grande, região metropolitana de Curitiba, para se candidatar a uma vaga de emprego na rede Mufato - carteira de trabalho - desemprego - trabalho - candidato a vaga de emprego - contratação de mão de obra - funcionario registrado em carteira profissional -

O desemprego no Rio Grande do Norte chegou a 17,3% no trimestre de julho a setembro de 2020. O dado é da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua), do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgada nesta sexta-feira (27). Esse resultado significa uma alta de 1,7 pontos percentuais em comparação com o período de abril e junho deste ano.

Nacionalmente, a desocupação ficou em 14,6% no 3º trimestre, atingindo 14,092 milhões de pessoas. A taxa ficou um pouco abaixo da mediana das expectativas dos analistas, que era de 14,8%, e dentro do intervalo de previsões, que ficava entre 14,3% e 16,1%. No 3º trimestre do ano passado, a Pnad Contínua apontou taxa de desemprego de 11,8%. Já no trimestre móvel até agosto de 2020, ela ficou em 14,4%.

A renda média real do trabalhador no 3º trimestre foi de R$ 2.554, resultado que consiste em alta de 8,3% em relação ao mesmo trimestre de 2019. A massa de renda real habitual paga aos ocupados chegou R$ 205,3 bilhões no 3º trimestre, o que significa uma queda de 4,9% em comparação com o mesmo período do ano passado.

Fonte: Agora RN

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui