Cosern identifica e desativa “gato” de energia em restaurante na praia de Pirangi do Norte

0
103

 Fotos: Cosern/divulgação

Equipes técnicas da Cosern, com apoio da Polícia Militar, identificaram e desativaram uma ligação clandestina de energia elétrica (o popular “gato”) num restaurante na praia de Pirangi do Norte, em Parnamirim, no final da manhã desta sexta-feira (20).

O proprietário do estabelecimento foi conduzido pela PM para a 2ª DP de Parnamirim.

Com mais essa ação da “Operação Varredura”, sobe para 06 o número de pessoas presas pela polícia em todo estado praticando o crime de desvio de furto de energia elétrica em 2020.

“O “gato” de energia é crime previsto no artigo 155 do Código Penal e a pena para o responsável pela fraude pode chegar a 08 (oito) anos de reclusão” alerta Gilmar Mikeias, Gerente de Recuperação da Receita da Cosern.

De janeiro até agora, a Cosern realizou 58.256 inspeções e identificou e desativou 6.682 ligações clandestinas em todo estado. O volume de energia recuperado com a ação ainda está sendo calculado pela distribuidora.

Além de crime, o “gato” representa risco de morte a quem faz e a quem está próximo. A ligação clandestina também provoca perturbações no fornecimento de energia da região e pode causar a queima de eletrodomésticos dos vizinhos.

A população pode denunciar as fraudes, de forma anônima e segura, no telefone 116 ou no site da Cosern (www.cosern.com.br).

ASSESSORIA DE IMPRENSA DA COSERN

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui