Sérvia é líder do grupo do Brasil após vencer a Costa Rica

180

Antes do jogo deste domingo, o lateral Kolarov afirmou que a partida contra a Costa Rica seria “a mais importante da história da Sérvia depois de algum tempo”. Bem, se foi exagero ou não, ele mesmo mostrou que falou sério e definiu o equilibrado confronto com uma belíssima cobrança de falta, aos dez minutos do segundo tempo.

É bem verdade que houve mais igualdade entre os times no primeiro tempo, com chances perdidas para ambos os lados – embora não muitas. Na segunda etapa, a Sérvia cresceu, abriu o placar e teve as melhores oportunidades, sob a batuta de Milinkovic-Savic, que correspondeu às expectativas.

Houve certa pressão dos centro-americanos no fim, utilização do VAR para aplicação de amarelo e até confusão de Matic com membro da comissão técnica costarriquenha, mas o placar seguiu inalterado. A Sérvia sai na frente no Grupo E, o mesmo do Brasil, que logo mais encara a Suíça.