“Ser a única mulher eleita para Câmara é uma responsabilidade”, diz Natália

112

Natália Bonavides (PT) foi uma dos cinco novos deputados federais eleitos para integrar a Câmara em 2019. Com 112.998 votos, a parlamentar foi a única mulher eleita para ocupar o cargo. Segundo ela, isso é uma grande responsabilidade.

“Infelizmente, a representatividade das mulheres nos espaços políticos ainda é mínima. Ser a única mulher eleita, além de ser uma jovem que não é filha das oligarquias, é uma grande responsabilidade”, declarou.

Segundo Natália, as expectativas foram baseadas na construção de uma campanha aliada aos movimentos sociais e de base. “Política construída com base no olho no olho, ao engajamento dos movimentos sociais e à necessidade que o povo potiguar tinha de novas representações que levassem suas pautas ao Congresso Nacional” afirmou.

Atualmente, ela é vereadora e seu cargo será ocupado em 2019 por Divaneide Basílio (PT). Na câmara dos deputados a parlamentar vai defender direito das mulheres. “No cenário nacional, vou defender as pautas que dizem respeito a vidas e direitos das mulheres, assim como estaremos sempre ao lado dos trabalhadores na defesa de nossos direitos e do nosso estado”, concluiu.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here