Polícia atenta à eleição de São José do Campestre

280

Engana-se quem pensa que a eleição suplementar em São José do Campestre no domingo (3) não terá fiscalização contra captação ilícita de votos. Como a campanha está bastante acirrada, a Justiça Eleitoral já convocou reforços para garantir a segurança do pleito.

O Grupo Tático de Operações Especiais (GTO) da Polícia Militar já chegou nesta quinta-feira (31) em Campestre. Muita gente que achava que ia “cantar e batizar” na Zona Rural e em bairros vai ter que prestar a atenção.

Vale lembrar que a ex-prefeita Alda Romão (PSD) foi cassada justamente por abuso de poder econômico nas eleições de 2016.