Homem é morto com tiro de espingarda durante assalto a caminho de igreja em Caraúbas, RN

322

Um homem de 37 anos foi morto ao levar um tiro de espingarda durante um assalto na RN-233, entre as cidades de Caraúbas e Campo Grande, na região Oeste potiguar. Segundo a Polícia Militar, o crime aconteceu no final da tarde da sexta-feira (7), já escurecendo, mas o corpo só foi encontrado na manhã deste sábado (8).

Francisco Zelinton Oliveira da Silva tinha 37 anos  (Foto: Inter TV Costa Branca/Reprodução)

Francisco Zelinton Oliveira da Silva tinha 37 anos (Foto: Inter TV Costa Branca/Reprodução)

Francisco Zeliton Oliveira da Silva, morador do assentamento Glênio Sá, estava em uma motocicleta, a caminho de uma igreja evangélica em Caraúbas, quando foi surpreendido pelos criminosos. Os bandidos levaram o veículo, mas deixaram a arma do crime jogada no meio do mato. A espingarda, que é de fabricação caseira, foi recolhida e levada para a delegacia.

Espingarda de fabricação caseira foi deixa para trás pelos criminosos (Foto: PM/Divulgação)

Espingarda de fabricação caseira foi deixa para trás pelos criminosos (Foto: PM/Divulgação)

A PM disse que os assaltantes são cinco rapazes – a maioria aparentando ser menor de idade – e que poucos minutos antes já haviam cometido um outro crime na região. Na ocasião, o grupo tentou roubar uma moto que passava pelo mesmo trecho da rodovia, mas o condutor não parou, e acabou levando um tiro de raspão no braço direito.

Buscas foram feitas pela região, mas nenhum suspeito foi encontrado.

PM assassinado

Cabo Ildônio José foi morto entre Caraúbas e Governador Dix-Sept Rosado (Foto: Reprodução/redes sociais)

Cabo Ildônio José foi morto entre Caraúbas e Governador Dix-Sept Rosado (Foto: Reprodução/redes sociais)

Em menos de um mês, este foi o segundo assassinato nas estradas que cruzam o município de Caraúbas. No dia 16 de agosto, na RN-117 (entre Caraúbas e Governador Dix-Sept Rosado), a vítima foi o cabo da PM Ildônio José da Silva, de 43 anos.

O policial estava em ônibus escolar, a caminho de uma faculdade em Mossoró, quando o veículo foi parado por assaltantes. Após ser identificado pelos bandidos, Ildônio foi retirado do veículo, deitado no chão e executado com vários tiros. O último disparo, na cabeça, foi de espingarda calibre 12.

A Associação de Praças da Polícia Militar de Mossoró e Região (Apram) está oferecendo uma recompensa de R$ 11.400,00 para quem der informações que levem à prisão os assassinos do cabo. Até o momento 11 pessoas já foram presas e 8, com mandados já expedidos pela Justiça, ainda são procuradas.

As informações sobre os suspeitos podem ser repassadas através dos seguintes números:

  • Disque Denúncia: 181 ou (84) 9.8132-6057
  • Delegacia de Caraúbas: (84) 3337-2305
  • Polícia Militar: 190 ou (84) 9.9680-5322

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here